GR7 NOTÍCIAS

Rio vai testar 3ª dose com vacinas da Pfizer e da AstraZeneca mesmo para quem tomou CoronaVac


Em teste aplicando uma terceira dose de vacina contra a Covid-19 — anunciado no domingo pelo secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz —, o município do Rio vai usar imunizantes da AstraZeneca ou da Pfizer, independentemente da vacina recebida no primeiro esquema vacinal. Quem tomou a CoronaVac terá reforço, portanto, de um imunizante diferente.

O teste de reforço contra a Covid-19 vai acontecer em idosos da Ilha de Paquetá, como parte do estudo “PaqueTá Vacinada”. A distribuição dessa terceira dose na ilha está prevista para o dia 29 de agosto.

Antes de tomar a nova injeção, os idosos do bairro passarão por novo teste sorológico que medirá a presença de anticorpos contra o novo coronavírus no sangue. O objetivo é saber se houve perda de imunidade desde a última dose. O novo estudo pode lançar as bases para uma estratégia de reforço da imunização em todo o município.

"Em Paquetá, finalizamos a aplicação da segunda dose hoje (ontem). Daqui a 14 dias, a gente vem colher uma nova amostra de sangue de todas as pessoas, com foco nos idosos. E vamos aplicar a terceira dose nos idosos que já tomaram a vacina. Poderão ser vacinas diferentes, já que tem idoso que tomou a vacina da AstraZeneca, da Pfizer e a CoronaVac, que é o caso da maioria", disse o secretário.

(*) Com informações do Extra

Nenhum comentário