GR7 NOTÍCIAS

Polícia admite que traficantes podem ter matado meninos em Belford Roxo

 


A Polícia Civil admitiu, pela primeira vez, que as três crianças que desapareceram em dezembro do ano passado em Belford Roxo, na Baixada Fluminense, podem ter sido mortas pelo tráfico de drogas.

A informação foi divulgada pelo "O Globo" nesta quinta-feira, 19. Em entrevista ao deputado estadual Alexandre Knoploch (PSL), o delegado Uriel Alcântara afirmou que esta é a principal linha de investigação.

Lucas Matheus, Alexandre e Fernando Henrique sumiram no final de dezembro. Os três teriam sido assassinados por terem furtado a gaiola de um passarinho, segundo o titular da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense.

"A gente trabalha com essa questão e, em razão disso, o tráfico teria determinado, teria pegado essas crianças, não sabe o que teria acontecido, como teria ocorrido, mas sabe que, em razão disso, essas crianças foram pegas e foram mortas dentro da comunidade. Então, a gente sabe que essas crianças tiveram os corpos levados pra um rio", afirmou.

Em outro momento da entrevista, ele disse também que "se trabalha com a responsabilidade do tráfico de drogas por ter matado essas crianças e ocultado os corpos".

A Polícia também descartou outras linhas de investigação que não envolvam o tráfico de drogas local como responsável.

(*) Com informações do G1

Nenhum comentário